Irmãos são presos por homicídio em São Luís do Quitunde, AL

Dois irmãos foram presos nesta quarta-feira (16), em Maceió, pelo assassinato de um homem de 48 anos em São Luís do Quitunde, município da região Norte de Alagoas. O crime aconteceu em 31 de maio de 2018, no Povoado Sílvio Viana.

As prisões de Fabiano Monteiro dos Santos, 37, e Fabrício Monteiro dos Santos, 32, aconteceram em cumprimento a mandados de prisão pelo homicídio. A polícia informou que eles negam a autoria do crime.

Já a vítima foi identificada como José Heleno Lins Moreira, o “Carneiro”.

Segundo o chefe de operações da delegacia da cidade, Mariano Sobrinho, o crime foi motivado por uma briga de terras em um assentamento.

“O Heleno prestou queixa contra o Fabiano, que achava que a terra era dele. A gente chamou um ouvidor agrário para saber de quem era a terra, mas no período de apresentar a documentação, o Heleno fez uma cerca no terreno. Então, ele saiu para buscar mais madeira e, quando voltou, o Fabiano pediu para ele baixar o vidro do carro e atirou contra ele”, afirmou o policial.

Ainda de acordo com o agente, o ouvidor que foi chamado pela polícia para avaliar a posse da terra contou que ouviu quando Fabiano jurou a vítima de morte.

“Ele falou que ouviu quando o Fabiano disse que se o Heleno fizesse a cerca no terreno, ele o mataria. Eles negam o crime, mas temos fortes indícios de que foram eles”, ressaltou o policial.

Um dos irmãos foi preso no Conjunto Virgem dos Pobres I, no bairro do Vergel do Lago e, o outro, no Conjunto Chico Mendes, no Tabuleiro. Eles foram levados para o Complexo de Delegacias Especializadas (Code), antes de serem encaminhados para o Sistema Prisional.

Ainda de acordo com o agente Mariano, a polícia também tentava cumprir mandado de busca e apreensão. “O de apreensão é para recolher tudo o que foi usado no crime. Queríamos a arma, mas ela não foi achada”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *