Mulher se defende de tentativa de homicídio e atinge companheiro em Delmiro Gouveia

Uma discussão começada enquanto uma mulher se arrumava para assistir à missa, na noite de domingo (20) em Delmiro Gouveia, acabou com o companheiro dela gravemente ferido e a acusada presa em flagrante pela polícia. Ela alega que a arma – ilegal – pertence ao marido, e que agiu em legítima defesa.

A tentativa de homicídio aconteceu no conjunto habitacional conhecido como “369 casas” e chocou os moradores da região. Vizinhos acionaram a polícia após escutar disparos de arma de fogo vindos da residência do casal Antoniel Ricardo da Silvca e de Maria Coco.

O homem foi atingido por um tiro na cabeça e foi socorrido para o Hospital Antenor Serpa. No entanto, pouco depois foi transferido para o Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca, em decorrência da gravidade do ferimento.

Maria Coco foi presa em seguida e atuada em flagrante por tentativa de homicídio. Em depoimento, ela alegou ter agido em legítima defesa e disse que temia ser assassinada. Ela contou que estava se aprontando para ir à igreja, quando o companheiro começou a insultá-la com palavrões, por motivos desconhecidos.

Durante o desentendimento, a mulher jogou um copo de água na cara do companheiro, e, nesse momento, Antoniel Ricardo sacou uma arma e apontou para a cabeça dela. Para se defender, ela segurou no cano da arma e houve um disparo, que atingiu o companheiro dela na cabeça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *