Vídeo exclusivo:Delegacia de Homicídio de Arapiraca divulga vídeo e tenta identificar envolvidos em homicídio ocorrido em Arapiraca;a vítima Kelmmony Torricelli foi assassinado em 2019

A Delegacia de Homicídios de Arapiraca, através de uma investigação minuciosa, comandada pelo delegado Felipe Caldas, que conta com uma competente equipe de investigadores, tenta identificar e prender os envolvidos em uma caso de homicídio ocorrido na cidade , no dia 25 de Agosto de 2019), na Rua Expedicionário Brasileiro, no bairro Eldorado,em Arapiraca, onde a vítima foi o jovem Kelmmony Torricelli Matos Gomes.

O portal detalhedanoticia.com.br, que esteve no local do ocorrido acompanhando também a perícia na época do crime, teve acesso em primeira mão, a imagens que foram então conseguidas e divulgadas pela DHA, e que mostra a ação dos elementos, desde a hora em que eles são vistos andando e conversando, até o momento em que o assassinato é consumado e eles saem correndo.

As imagens que a investigação teve acesso, mostram que o crime ocorreu em via pública, e que os acusado são vistos chegando na Rua Expedicionário Brasileiros, sendo que o assassinato ocorreu na frente de amigos da vítima do caso.

O crime ocorreu quando a vítima seguia para um bar com amigos, já no início da madrugada de domingo, com a intenção somente de se divertir um pouco. Sem perceber que estava sendo observado pelos criminosos.

O vídeo que está mostrando a situação, não chega a mostrar a vítima sendo baleada, mas chega a mostrar três momentos importantes. O primeiro, é o momento em que os suspeitos aparecem andando e conversando, sendo que o homem que seria o atirador, aparece tirando cigarro do bolso e acendendo, já o segundo momento, já mostra os envolvidos fugindo , ou seja , o crime já cometido e eles saem correndo. Já o terceiro momento , mostra o instante em que o atirador chega em uma esquina, acende mais um cigarro, se aproxima da vítima, atira e sai correndo, e é ai que aparecem outros dois elementos, que se aproximam, observam a vítima já caida e saem.

A investigação em torno do caso segue no intuito de identificar os envolvidos, apesar de em um determinado momento, dois deles aparecerem com rosto encoberto com as camisas, sendo que o atirador, a todo tempo está de cara limpa.

A Delegacia de Homicídios de Arapiraca, pede a quem tiver alguma informação que possa ajudar na identificação dos envolvidos, que denunciem através do 181- Disk denuncia, pois a identificação do denunciante é mantida no mais absoluto sigilo. VEJA VÍDEO ABAIXO.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *