ÁUDIO: Esposa do jornalista Cláudio Roberto, falou ao programa Canal 96;ela falou da doença que matou o jornalista e agradeceu as mensagens de apoio

Faleceu durante a noite de segunda-feira,22, o jornalista, assessor da Câmara de Vereadores de Arapiraca, Cláudio Roberto, aos 63 anos. O profissional da comunicação estava lutando pela vida  desde o dia 12 de novembro, quando foi internado com uma crise gastrointestinal.

O jornalista passou seus primeiros dias de internação em Caruaru, Pernambuco, onde estava visitando familiares. No dia 15 de novembro, os filhos de Cláudio Roberto conseguiram sua transferência para o Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca.

Ainda em Caruaru, os familiares de Cláudio Roberto afirmaram que ele havia sido vítima de negligência médica e isso teria agravado seu estado de saúde.

Na última quinta-feira, 18, foi iniciada, em Arapiraca uma campanha de doação de sangue. Apesar dos esforços, o profissional da comunicação não resistiu e faleceu durante.

O corpo de Cláudio Roberto está sendo velado no Memorial Encontro Com Jesus, localizado na Rua Expedicionários Brasileiro, e será sepultado às 9h da manhã desta quarta-feira, 24, no Cemitério Pio XII, em Arapiraca

Em nota, o Hospital de Emergência do Agreste explicou o caso clínico do jornalista:

Desde que chegou em Arapiraca, Cláudio Roberto da Silva recebeu os cuidados médicos e permaneceu internado, consciente, conversando, respirando sem ajuda de aparelhos, e na companhia de familiares. No final da tarde de segunda-feira, 22, ele paciente apresentou piora no quadro clínico e foi levado para a Área Laranja do hospital. Apesar de todos os esforços da equipe, Cláudio Roberto veio a óbito às 22h40 com hemorragia digestiva alta, varizes de esôfago, insuficiência hepática e hipertensão portal, que é um aumento anormal da pressão sanguínea na veia porta (a veia de grande calibre que transporta o sangue do intestino ao fígado) e suas ramificações.

A perda do jornalista foi lamentada pela Câmara de Vereadores de Arapiraca, local em que ele trabalhou como assessor de comunicação durante anos.

Veja a nota da Câmara

A Câmara de Vereadores de Arapiraca, lamenta, com imenso pesar, o falecimento do assessor de comunicação, o jornalista Cláudio Roberto, que faleceu na madrugada desta terça-feira, 23/11/2021 na Unidade de Emergência do Agreste.

Cláudio Roberto foi um jornalista, atuante e dedicado e a sua profissão, tinha como sua principal característica a aglutinação de amigos e respeito, por todos aqueles que conviviam com o mesmo, sempre prestativo aos colegas e aos meios de comunicação, deixando assim seu legado e a saudosa lembrança de alguém admirável e amigo.

A esposa do jornalista, falou ao radialista Mitchel Torquato sobre a doença que matou o marido. Ela agradeceu as mensagens de apoio., Ouça abaixo a entrevista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *