Polícia investiga assassinato de mãe e filho no bairro Manoel Teles em Arapiraca; mãe morreu no local do atentado e filho no HE

A segunda vítima do atentado que ocorreu na noite da última terça-feira (05) no bairro Manoel Teles, em Arapiraca, não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA). A mãe da vítima morreu dentro de casa ao tentar proteger o filho.

Segundo informações policiais, um homem encapuzado invadiu a residência na noite desta terça, para executar Martones de Souza Silva, vulgo “Binha”. Ao tentar fugir do criminoso,  Martones  correu em direção a cozinha da casa.

A mãe dele, Maria Aparecida de Souza, também correu em direção ao filho, na tentativa de protegê-lo e acabou também sendo atingida pelo executor dos disparos de arma de fogo.

Maria Aparecida não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu no chão da cozinha da própria residência.

O filho dela, ainda chegou a ser socorrido até o HEA mas não resistiu. Maria  Aparecida era quem cuidava da filha de Marcondes, uma menina de 6 anos com necessidades especiais.

A autoria e motivação do crime serão investigadas pela Polícia Civil. A nossa reportagem levantou informação de que uma equipe da delegacia regional de Arapiraca , que estava de plantão na Central de Polícia, fez os primeiros levantamentos. A Delegacia de Homicídios de Arapiraca, estará dando sequência nas investigações.